Instrumentos


Instrumentos são ferramentas utilizadas pelos Wiccanianos para elaborar um “clima” ritualístico e para favorecer a emanação (liberação ou absorção) de energias dentro de um RITUAL ... 


O maior instrumento de um Bruxo é ele mesmo, porém, no inicio das práticas a dificuldade de trabalhar com as energias internas e externas é imensa, logo, os instrumentos funcionam como catalisadores e aumentam a concentração, já que empunhar um instrumento nos dá uma maior sensação de controle e poder.

Na WICCA alguns instrumentos também possuem um simbolismo especial, e são considerados obrigatórios, pois representam as diversas forças básicas do universo, e representam também a presença da Deusa e do Deus, são eles: o Bastão, o CÁLICE , o PeNTÁCULO , o ATHAME e o Caldeirão. Os demais instrumentos servem para facilitar o manuseio de ERVAS , VELAS , INCENSOS , PEDRAS , para embelezar as cerimônias e para formar um elo mágico-religioso com o plano etéreo. 

Abaixo segue a lista de informações e formas de utilizar os instrumentos dentro da religião Wicca:


poção protetora - É um líquido utilizado pelos bruxos para afastar más vibrações, pessoas ou seres, e para atrair boas vibrações. Além disso, pode servir também para consagrações de instrumentos ou nas ritualísticas de purificação. É feita com ERVAS , óleos e água, e imantado com energias diversas. Normalmente é colocada no altar para ser usada durante os RITUAIS .


caldeirão - O principal instrumento ritualístico utilizado pelos bruxos, ele simboliza desde a antiguidade o útero universal, ou seja, o útero da Grande Mãe, de onde tudo vem e para onde tudo retorna. Na prática é usado para transformar os feitiços através da queima de ERVAS , papeis, alimentos, líquidos e demais itens.
É normalmente preto e feito de ferro. Seu tamanho varia de pessoa para pessoa. Representa no altar o elemento éter aquele que une todos os outros. É comum guardar instrumentos menores no caldeirão para protege-los ou esconde-los.


vassoura - Um instrumento muito conhecido nas lendas e contos sobre BRUXAS , porém é importante lembrar que nós não voamos em vassouras, filmes não são a realidade, apesar de que adoraríamos poder voar nas vassouras, isso nos pouparia muito tempo gasto com o transito comum. Brincadeiras à parte, a VASSOURA é utilizada em RITUAIS de purificações e como símbolo de fertilidade, pois no passado acreditava-se que algo para crescer e prosperar precisava primeiro ser limpo e organizado.


chave mágica - 
É um instrumento utilizado para manter estáveis as energias dos ambientes ou para “abrir” e acessar certos locais astrais ou mentais criados pelo próprio bruxo.
Normalmente a Chave Mágicka é criada a partir de materiais naturais como gravetos, folhas, ERVAS , penas e afins que são alimentados com uma energia especifica e consagrados para produzirem determinada atividade constantemente. Como, por exemplo, recarregar e purificar suas forças quando você tocar na chave.


sino - O SINO é um item auxiliar que serve para delimitar o fim ou inicio das celebrações, para gerar vibrações repelentes em ritos de purificação, para “acordar” pessoas em meditação, para auxiliar na atração de seres durante as invocações e para criar melodias diversas em músicas ou danças circulares.

livro das sombras - Inicialmente e tradicionalmente é o nome dado ao livro ou grimório escrito por Gerald B. Gardner que contêm todas as informações pertinentes à prática da WICCA por parte de seus seguidores. O ‘Book Of Shadows’ nome em inglês do LIVRO DAS SOMBRAS é passado de sacerdote(a) para sacerdote(a) através dos tempos desde Gerald Gardner. Apesar de seu conteúdo não poder sofrer alterações, é comum que cada Coven desenvolva pequenos apêndices para complementar às práticas de acordo com a região ou adeptos.
Na atualidade o LIVRO DAS SOMBRAS tem sido confundido com o Livro Negro, nome dado aos diários individuais dos bruxos, onde eram anotados desde ingredientes para feitiços, como também sonhos, eventos importantes, relatos de percepções e ensinamentos que consideravam importantes.


athame  - O ATHAME é um punhal ritualístico de fio duplo sem corte, utilizado para absorver, potencializar e direcionar energias em RITUAIS . Normalmente usado para traçar o círculo mágico e desse modo afastar qualquer tipo de energia ou ser ESPIRITUAL que possa atrapalhar o ritual.
Representa o elemento AR , e é utilizado na celebração simbólica do Grande Rito, ao ser mergulhado no cálice sagrado. Tradicionalmente possui o cabo preto, porém pode possuir outras cores. É comum ter gravados em sua lâmina ou cabo símbolos e selos mágicos.
Importante: O ATHAME não possui nenhum uso de corte, quando não usado para direcionar energias em RITUAL é um instrumento decorativo que serve como símbolo do poder masculino no altar, já que representa um falo, enquanto que o cálice representa um útero. Por se tratar de um objeto que possui ponta, é muito importante que se tenha total cuidado com o seu uso e armazenamento para não gerar nenhum tipo de acidente.
Algumas pessoas utilizam facas de COZINHA , novas, para substituir o punhal, visto que nem sempre conseguem adquirir um. Isto é válido, desde que haja a preocupação de retirar o corte da lâmina da faca, como precaução para que não ocorram acidentes enquanto o objeto está sendo manuseado no rito.
No passado, por puro preconceito, as pessoas acreditavam que os ATHAMES eram utilizados em ritualísticas de sacrifício, infelizmente essa idéia ainda persiste na mente de algumas pessoas. Tal idéia é completamente absurda, visto que, além do objeto não precisar de corte, é completamente fora dos nossos princípios religiosos qualquer tipo de sacrifício.
Ele simboliza o Deus no altar e só é retirado do mesmo, para traçar o círculo ou para efetuar a simbologia do Grande Rito, onde a união do ATHAME e do cálice simbolizam a união do Deus com a Deusa. É possível que alguma tradição dê outros usos ao Athame, porém, com toda certeza nenhum deles pode estar relacionado ao uso do ATHAME como arma.


varinha,vareta e bastão - Instrumento utilizado para invocações, conjurações e direcionamento energético dos bruxos. O bastão representa o elemento FOGO e é usado pelos praticantes de bruxaria para direcionar as energias desprendidas com os trabalhos ritualísticos.
É normalmente feita de galhos de árvores, com um tamanho médio de 50 cm. Ao comprar, ganhar ou fabricar sua varinha, nunca utilize, compre ou aceite bastões feitos com árvores em extinção, pois mesmo a VARINHA sendo apenas um graveto da árvore, o que não vai matá-la, essa retirada é mais uma forma de destruir e desgastar o ser que está lutando para sobreviver.


cálice - Instrumento utilizado para receber líquidos consagrados, representar o elemento água e a força feminina da Deusa no altar. É normalmente uma taça de prata, estanho, latão ou até mesmo CRISTAL , decorada de maneira variada.
Em conjunto com o ATHAME , é utilizada no Grande Rito simbólico para representar o útero da Deusa e receber o vinho ou suco que será consagrado.


colher de pau - Mais um instrumento auxiliar que no passado foi utilizado até mesmo como VARINHA já que é feito de madeira. A COLHER DE PAU virgem é consagrada e utilizada unicamente na produção de poções, comida, bebida e para mexer os ingredientes do caldeirão. Serve para canalizar nossas energias para os ingredientes.


espada cerimonial - Utilizada para traçar símbolos ou o próprio circulo no chão, e para eliminar energias desbalanceadas e seres que não sejam bem vindos no círculo. Varia de tamanho, cor e de formato de acordo com o coven ou Bruxo que a utiliza. E suas características são muito similares as do ATHAME .


espelho mágico - Instrumento muito utilizado pelas BRUXAS medievais para conjurar e direcionar maldições ou bênçãos a pessoas variadas. É também usado na arte da adivinhação, e para imantar outros instrumentos com maior poder energético.


 buril - É um pequeno canivete ou ponteira que serve para gravar símbolos e desenhos nos instrumentos, oráculos e demais itens utilizados em RITUAIS ou decoração. Normalmente feito com um cabo de madeira e uma ponteira de metal.


castiçal - Item comum para auxiliar na decoração e na organização do altar recebendo VELAS de diversos tamanhos. É comum que os CASTIÇAIS sejam feitos com temas para simbolizar seres mitológicos ou com pequenos símbolos do Deus ou da Deusa.


incensário - Item auxiliar que serve como apoio para a queima de INCENSOS . Pode ser dos mais diferentes tipos para atender as variações de formato dos INCENSOS . O turíbulo, apesar de ser também uma espécie de incensário, funciona não só como apoio, mas para defumações já que é um recipiente de metal, com tampa e pequenos orifícios onde colocamos ERVAS , óleos e carvões para queimar e gerar grande quantidade de fumaça e aroma.


túnica - Roupa ritualística usada por boa parte das Tradições que não são adeptas da nudez ritualística. Além disso, serve para proteger do frio e para embelezar as celebrações. São feitas de panos leves como a seda. E variam bastante no modelo, umas são como capas, outras possuem mangas longas e podem ou não ter desenhos e símbolos bordados. As cores mais comuns são o branco ou o preto.


pentáculo - O  Pentáculo ou Pantáculo é um instrumento de madeira, argila ou metal, redondo, utilizado para representar o elemento TERRA e para auxiliar na consagração dos outros instrumentos. Normalmente chamado de pentáculo por possuir um pentagrama desenhado, de forma que sirva durante a consagração também como um representante de todos os outros elementos. É também por esse motivo que em seu nome aparece a derivação “Pan”, que em grego significa “tudo”.


bolline - O Bolline é um punhal ou foice de cabo branco com corte, utilizado para cortar ERVAS , gravetos, frutas e demais materiais utilizados nos rituais. Recomenda-se o uso cauteloso por esse instrumento possuir corte, além disso, nunca deve ser manuseado nos RITUAIS em danças ou qualquer atividade que possa gerar perigo aos participantes. Por esse motivo normalmente é utilizado e depois guardado adequadamente.


amuleto - São pequenos colares consagrados que servem para proteger e fortalecer o bruxo, repelindo e atraindo energias específicas. Além de servirem como adornos decorativos. São feitos com materiais diversos e normalmente são símbolos conhecidos como pentagramas, hexagramas, Anks e afins.


talismã - É um instrumento utilizado há milênios pelas mais diferentes sociedades para atrair ou aprisionar energias ou seres específicos e criar certos sigilos que ligam os indivíduos a egrégoras ou forças específicas. Normalmente são divididos em planetários, zodiacais e ELEMENTAIS de acordo com as energias que são utilizadas em sua confecção.

Caro leitor, seus comentários nos ajudam a melhorar a qualidade dos escritos, bem como, são a mola motivacional para criação dos próximos. Ainda, se gostou deste artigo, indique para seus amigos.

Nenhum comentário:
Postar um comentário