Iniciação e auto iniciação

Iniciação, coven, Bruxa solitária, wicca

Iniciação e auto iniciação
(Por Viviane Lopes)

Uma dúvida comum entre as pessoas que estão começando seus estudos é sobre a iniciação e a auto iniciação. Então vamos por partes, o que é cada uma:


Iniciação:

É quando a pessoa é iniciada por um Sacerdote ou Sacerdotisa em um Coven, após passar pelo período de estudos conforme as regras do Coven.

Auto iniciação:

É quando a pessoa pratica de forma solitária e não tem quem a inicie, então ela mesma faz a sua iniciação, ou seja, sua auto iniciação.

Mas não é tão fácil quanto parece. Para a pessoa se iniciar, em ambas as situações, é necessário que passe antes pelo período de Dedicação ou Auto dedicação, ou seja, ser dedicado em um Coven ou se auto dedicar em sua prática solitária.

O período de Dedicação é de, no mínimo, 1 ano e 1 dia para que se cumpram as 13 luas cheias do ano e também a Roda do Ano com a celebração dos 8 Sabbats.
Este período é um compromisso que a pessoa assume de estudar o que puder encontrar sobre a Wicca e desta forma aprender e vivenciar a religião.
Durante a dedicação a pessoa pode celebrar os Sabbats e Esbbats, além de fazer pequenos rituais simples, pois ainda está aprendendo. É também o período em que faz o seu Livro das Sombras, onde tudo o que é aprendido é anotado nele.

O dedicado então irá fazer:


  • Seu Livro das Sombras,
  • Celebrar os Esbbats e Sabbats,
  • Pequenos rituais e feitiços mais simples.

Caso a pessoa participe de um Coven, passará pelos ensinamentos e treinamentos pessoalmente e seu período de estudos será avaliado pelo Sacerdote e/ou Sacerdotisa, assim, definido se a pessoa está pronta para ser iniciada ou não.

Caso a pessoa pratique de forma solitária, no final do período, ela deve avaliar se realmente aprendeu o suficiente para suas práticas ou ainda tem dúvidas. Se está pronta para ter a Wicca como sua religião e celebrar a Deusa e o Deus. Neste caso, se a pessoa não se sentir preparada, então não faz a auto iniciação, pois terá mais prazo para se decidir.

Uma coisa que acontece muito é da pessoa se apressar demais, querer se iniciar sem nem ter estudado, isto é muito ruim, pois para se tornar praticante de uma religião é necessário conhecê-la bem. Um ritual não é um teatro, é uma celebração religiosa e fazer um ritual religioso sem entender o seu significado não faz sentido algum.

Mas também não significa que os estudos acabam com a iniciação. Eles continuam por toda a vida, pois sempre há algo a ser aprendido, não existe alguém que saiba tudo, então duvide de pessoas que afirmam saber “tudo sobre Bruxaria”, porque sabemos que isto não existe.

Eu costumo fazer comparações para um melhor entendimento. Eu comparo muito a iniciação wiccan com a conversão dos cristãos, ou seja, quando um cristão muda de religião, ele se converte e deixa para trás as antigas crenças, pois agora pertence a uma nova religião. Com a Wicca também é assim, ao se iniciar, a pessoa estará assumindo um compromisso com as divindades e a religião Wicca, que será sua religião daí em diante.

É por estes e outros motivos que muitos não se iniciam e continuam como dedicados durante anos, pois ainda tem laços com a religião anterior, o que na minha opinião é mais correto, porque é melhor deixar para se iniciar quando tiver certeza de suas crenças, do que se iniciar sem ter ideia do que está praticando.

Outra coisa muito comum que acontece é da pessoa querer logo ir comprando diversos instrumentos mágicos e roupas ritualísticas. Está errado. A primeira coisa que a pessoa deve comprar é livros sobre Wicca, Bruxaria e Paganismo, afim de estudá-los o quanto puder. Os instrumentos são comprados com o tempo, além disso, como a pessoa ainda não é iniciada, seus rituais serão simples e será necessário usar apenas velas, incensos, sal grosso e algumas ervas. A respeito de blogs e sites, nem todos são confiáveis, mas com o tempo de estudos, a própria pessoa vai perceber qual é confiável e qual não é.


Caro leitor, seus comentários nos ajudam a melhorar a qualidade dos escritos, bem como, são a mola motivacional para criação dos próximos. Ainda, se gostou deste artigo, indique para seus amigos.
Nenhum comentário:
Postar um comentário